quarta-feira, 16 de março de 2011

Edna, uma rainha no reino encantado da música

Era uma vez...
Num tempos muito distante, em que não existia TV em Macapá, e Xuxa, a Rainha dos Baixinhos, ainda não estabelecera seu reinado, minha irmã Zany , adorava cantar a música Banda da Ilusão, de Ronie Von, o Princípe que por tabela aprendi e canto até hoje. Eu também gostava de cantar e decorar letras de músicas, fossem as do Rei Roberto Carlos ou as do  Rei do Baião, Luiz Gonzaga. Foi neste regime imperialista musical que surgiu nos anos 60 a Rainha do Bolero Edna Fagundes.  
Se minha memória não falha, no final dos anos 60 ou início dos 70 ela fez um showmicio em Macapá, na Praça da Conceição. Desde ai decorei o bolero Verbo Sofrer (clique p/ ouvir), que eu adorava cantar, teatralizando a parte declamada. Mamãe abominava essa minha arte, afinal, antes de Bruna Surfistinha, ser "mariposa" não era coisa pra moça de família, sequer cantar!
 Um pouco de história
A cantora Edna Fagundes, mineira de Lavras alcançou seu primeiro sucesso radiofônico com o bolero "Perdão", na época sucesso de Doris Monteiro. Gravou seu 1º. compacto simples com dois bolerões, que fizeram enorme sucesso no programa do radialista mineiro Álvaro Alvim, na Rádio Guaraní, em 1968. Esse sucesso lhe valeu um convite para gravar seu primeiro LP na Cantagalo, de nome; "AMOR À TERRA" que estourou com o bolero Sinceramente de: José Pereira da Silva / Geraldo Duarte e Milton Iamada, grande empresário em Belém do Pará. Deve ser dai que vem essa relação do povo nortista com Edna Fagundes.
É no site de Aramis Millarch , um critico musical (?) que encontramos ao mesmo tempo o desdém e preconceito do autor, e o reconhecimento de fãs, sobretudo amapaenses e paraenses, que manifestam suas lembranças e encantamento por Edna Fagundes. O texto de Millarch, originalmente publicado em 12 de março de 1974 , começa assim:

“ O que dizer de uma cantora chamada Edna Fagundes que aparece com um lp chamado "A Rainha do Bolero"(Copacabana, CLP 11.731), tendo na capa uma colorida foto em que aparece de coroa na cabeça e a faixa identificatoria desta real classificação, não se sabe dada por quem? E`claro que é uma produção destinada ao publico rural, ou mínimo, suburbano, capaz de consumir os bolerões na linha Waldick Soriano.”

Na caixa de comentários do site, Flávio Andrade (flavio.andrade@.jorlan.com) , sobrinho de Edna, deu noticias sobre a artista, que continua viva e cantando, em parceria com uma filha, lá pras bandas de Minas Gerais. Eis alguns dos comentários deixados por saudosistas fãs nortistas:

Enviado por Afonso L. Nogueira - Cametá-PA, em ter, 19/01/2010 - 18:58.

Caro, gostaria primeiramente de falar do carinho e respeito que tenho por esta mulher que não é só a rainha do bolero mas tambem a maior Cantora de todos os tempos do Brasil. […] Frequento um bar em minha cidade que só toca as musicas de Edna […] Um abraço e um beijo no coração de Edna Fagundes pelos momentos felizes que me proporciona por toda minha vida

Enviado por Raimundo Sousa, Macapá-AP, em seg, 31/05/2010 - 20:51.

Caro, gostaria de saber como obter todas as músicas, ou discos da inesquecível rainha do bolero. Edna Fagundes. No momento quero falar do carinho e respeito que tenho por esta cantora pois fiquei feliz de saber que está bem, e que ainda faz shows.

Enviado por Rubervan Cambraia de Souza , em ter, 03/08/2010 - 10:28.
Como posso comprar cd's da cantora Edna Fagundes,sou fam de suas músicas,a primeira vez que escutei tinha a idade de 14 anos e gostei desde dai, sou do estado do Amapá. Rubervan.

Enviado por Ignácio Oliveira , Belém - PA , em dom, 14/11/2010 - 12:38.
Sim, como NELSON GONÇALVES, EDNA FAGUNDES, indubitavelmente, foi a melhor voz de todos os tempos. Alimentou meus sonhos adolescente que hoje, recordo com nostalgia. […]. Viva Edna, não nos deixe orfãos como o fez NELSON GONÇALVES e VINICIUS DE MORAES.

Fotos e informações biográficas extraidas do site:

14 comentários:

  1. Não sei se vc. lembra da Neuza, uma colega nossa do tempo de Santina Rioli. Em sala de aula,ela dizia que a sua mãe falava que a voz dela parecia com a da famosa cantora. Então haja cantarolar " Sou mariposa, figura noturna da mesa de bar..."Bjs!!

    ResponderExcluir
  2. Ato falho: Ginásio Feminino no lugar de Santina Rioli.
    Eu ainda cantarolo músicas diversas, principalmente as antigas que ficaram gravadas na memória. Mas veja bem, somente na cozinha ou no banheiro.

    ResponderExcluir
  3. Boa tarde! gostei muito do seu site, gostaria de manter contato com vc, pois estou querendo as músicas da cantora Edna Fagundes, porém é difícil, creio que vc pode me fornecer as músicas dela, é para um presente. Desde já obrigado! Adorildo Leitte (adorildo@hotmail.com)

    ResponderExcluir
  4. edna fagundes esteve em martins soares cantando num circo . meu tio tocou sax no circo naquela época . até hoje é comentado o show dela em martins soares - uma pequena cidade de minas .
    andre farrath

    ResponderExcluir
  5. Olá! Minha mãe e minha avó gosta muito da forma que Edna Fagundes canta tem apenas um disco muito antigo seu cujo nome é Cantagalo ja tentou comprar seus discos mas nao consegue achar ate tentei baixar eles aqui porem naao consegui... gostamos muito do blog se puder add no msn para poder conseguir mais musicas dela ficaria grata. Meu nome é Raizsa e meu msn :h_tinhadebh@hotmail.com desde já Obrigado e espero que me adicione.

    ResponderExcluir
  6. Lembro-me, com imensa saudade, quando no início dos anos 70, a magnífica Edna Fagundes esteve em Felisburgo - MG. Naquela ocasião ela cantou e encantou a nossa singela cidade. Senhores, jovens e crianças se sentiram maravilhados com a sua presença. Acredito que todos que ainda vivem, ainda recordam. Naquela época eu tinha mais ou menos 11 anos de idade. Fiquei sabendo por meu irmão que ele teve o privilégio de reencontrá-la em Joaíma - MG, durante um show que infelizmente não me fiz presente por está viajando. Mas, se DEUS me permitir, ainda também terei o privilégio de reencontrá-la. Meu nome é Marlívio Soares Gomes, tenho 51 anos de idade, moro em Joaíma - MG. Sou contador. Meu e-mail é smarlivio@yahoo.com.br. Meu telefone é (33)8847-3954.

    ResponderExcluir
  7. Meu Nome e Merijone Simas Vilhena Sou Afilhado de Edna Fagundes e nao a vejo ah muito tempo e gostaria de rencontra bcom ela eu e minha mae estamos anciosos nosso telefone e 092 3663-3684

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Merijone, tentamos ligar para você mas só chama, vamos tentar mais vezes, caso queria o tel daqui é 31 34977572, ligue e nos retornamos a ligaçao. Obrigado

      Excluir
  8. Nos anos 70 eu ouvia sempre uma música que tinha uma verso que falava de "mariposa" , esta faixa é o máximo, é de cortar coração. Era nas margens do Rio Branco em Boa Vista-RR, enquanto aguarda a balsa para travessia do rio. Quase brigo com a dona do Bar para me emprestar o disco para eu gravar. Ela cedeu, com muita insistência. Me surrupiaram fita, mas tempos depois consegui em Belém, com um colecionador. Abraços, Antonino Teles - Caldas Novas-GO

    ResponderExcluir
  9. edna fagundes sou tua numero 1 aqui de macapá des dos 12 anos de idade quando assistir um show micio na praça da conceição no bairro do trem nunca mais minha deusa eu te esqueci até as tuas músicas que eu gostava não ouvi tocar mais so que eu nunca esqueci como sinceramente,amor a terra,e perdão pesquisando eu consegui te encontrar pra minha maior felicidade queria tanto te conhecer pessoalmente é o maior sonho da minha vida eu mara medina santana

    ResponderExcluir
  10. BOA NOITE!!!!GOSTO,DA MÚSICA DE EDNA FAGUNDES,QUE FALA DE CABARÉ,QUANDO EU OUVI FOI NOS ANOS 60,É PENA QUE A GENTE NÃO OUVE FALAR DESSA CANTORA EM BELÉM DO PARÁ.

    ResponderExcluir
  11. eu adora as musicas dela me trais muitas recorçaos eu gostaria se possível fosse ouvir as musicas dela

    ResponderExcluir
  12. Pessoal, Sou documentarista e Moro em Belo Horizonte. Estamos fazendo um levantamento de dados históricos sobre a Edna Fagundes e breve estaremos lançando o filme sobre a vida desta maravilhosa cantora. Quem tiver fotos da época dos shows ou mesmo jornais que falam sobre a mesma, gentileza me enviar. Ela está bem, cantando em ocasiões especiais e morando aqui em Belo Horizonte.

    ResponderExcluir
  13. Estou no papel de sobrinho dela. Sou filho do Afonso da Diná. Estamos em Perdoes, no sul de MG. Deixem um telefone de
    para que eu entre em contato. Obrigado

    ResponderExcluir

Por onde andou seu coração?